Abril verde: Mês sobre prevenção, saúde e segurança no trabalho

Curta e compartilhe essa publicação

abril verde

O dia 7 de abril é o Dia Mundial da Saúde e o dia 28 de abril é o Dia Mundial em Memória das Vítimas de Acidentes do Trabalho. Portanto, ações desencadeadas em todo o Brasil para promover a Campanha, foi escolhido o mês de abril para ser o mês da prevenção de acidentes e doenças relacionadas ao trabalho. Para melhorar a realidade, foi criado o movimento denominado Abril Verde, foi idealizado na busca de favorecer o trabalhador no que tange a sua saúde e segurança, melhorar o retrato do Brasil neste quesito.

O Abril Verde é um movimento de iniciativa popular com participação espontânea que chama a atenção da sociedade brasileira para a adoção de uma cultura permanente de prevenção de acidentes do trabalho e doenças ocupacionais. O Movimento luta para marcar o mês de abril com a cor da segurança no calendário nacional.

 

Estima-se que 2,3 milhões de trabalhadores morrem todo ano, devido a acidentes de trabalho ou doenças ocupacionais.

 

Diante do alto índice de ocorrências de acidentes do trabalho e doenças ocupacionais, o SITESPAR (sindicato dos Técnicos de Segurança do paraná) fez nascer o movimento abril verde, que tem como objetivo:

• Conscientizar a população sobre a segurança e saúde do trabalho;

• Debater responsabilidade entre gestores e governos;

• Avaliar riscos;

• Avaliar o comportamento dos cidadãos dentro e fora do trabalho;

• Promover a qualidade de vida no trabalho;

• Promover a cultura de prevenção;

• Engajar a sociedade;

• Promover ações e manifestações;

 

Faça sua parte, apoie esta causa!

(Fonte: www.ambientec.com)

 

Se você gostou do tema e deseja saber mais sobre nos siga nas redes sociais! Estamos no Facebook e no LinkedIn.


Curta e compartilhe essa publicação
1 responder

Trackbacks & Pingbacks

  1. […] Abril Verde destaca importância da prevenção, saúde e segurança do trabalho. Nos últimos anos, elementos como metas abusivas, jornadas exaustivas e outros favoreceram o crescimento de doenças como depressão, ansiedade e Síndrome de Burnout […]

Deixe uma resposta

Want to join the discussion?
Feel free to contribute!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *