Julho, mês de prevenção e controle de hepatites virais

Curta e compartilhe essa publicação

As mais comuns são A, B e C, mas existem também as hepatites D, E e G. Cada uma é provocada por um tipo de vírus e tem diferentes tratamentos.

Resultado de imagem para hepatites virais

Estamos no Julho Amarelo, o mês de prevenção e controle das hepatites virais. Amarelo porque é a cor que geralmente o infectado fica quando a doença se manifesta. Esses vírus atacam o fígado, um dos maiores órgãos do corpo humano, responsável por 500 funções fundamentais.

As hepatites mais comuns são A, B e C, mas existem também as hepatites D, E e G. Cada uma delas é provocada por um tipo de vírus e tem diferentes formas de prevenção e tratamento.

A hepatite A, por exemplo, é transmitida por meio de água e alimentos contaminados. Já as hepatites B e C são transmitidas no sexo sem proteção e no compartilhamento de seringas, agulhas ou qualquer outro objeto cortante e perfurante. São doenças graves que podem provocar danos irreversíveis.

Durante Julho Amarelo, cidades têm testes gratuitos para hepatites virais! Ministério da Saúde estima que existam 1,7 milhão de portadores do vírus da Hepatite C e 756 mil do vírus da Hepatite B no país. Muitos nem sabem.

Em 2010, Organização Pan-Americana da Saúde instituiu que em 28 de julho seria comemorado o Dia Mundial de Luta contra as Hepatites Virais. Inspirado nas campanhas Outubro Rosa e Novembro Azul, o Julho Amarelo quer conscientizar a população sobre a importância da prevenção, do diagnóstico e do tratamento das Hepatites Virais B e C, durante este mês.

O Ministério da Saúde estima que existam 1,7 milhão de brasileiros portadores do vírus da Hepatite C e 756 mil portadores do vírus da Hepatite B, sendo que muitos não sabem que os têm. O diagnóstico é o grande desafio, por isso há a recomendação de realização dos testes, com o objetivo identificar a doença o mais precocemente.

Ministério da Saúde estima que existam 1,7 milhão de brasileiros portadores do vírus da Hepatite C e 756 mil portadores do vírus da Hepatite B (Foto: Reprodução)

As hepatites virais são doenças infecciosas que afetam o fígado e são classificadas pelas letras do alfabeto A, B, C, D e E. Essas doenças não costumam apresentar sintomas, mas, quando eles aparecem, os mais comuns são cansaço, febre, mal-estar, tontura, enjoo, vômitos, dor abdominal, pele e olhos amarelados, urina escura e fezes claras.

No Brasil, as hepatites virais mais comuns são as causadas pelos vírus A, B e C. As hepatites B e C têm tratamento gratuito pelo SUS, sendo que o diagnóstico precoce amplia a eficácia do tratamento, com grandes chances de cura, no caso da hepatite C.

Várias atividades acontecem por todo o país durante o Julho Amarelo. Veja abaixo:

SÃO PAULO (SP)

17 de julho
Aconselhamento, teste rápido para as hepatites B e C e atividades de prevenção e esclarecimento para a população.
Horário: das 10h às 15h
Local: Casa das Rosas – av. Paulista, 37

20 e 21 de julho
Teste rápido para as hepatites B e C, sífilis e HIV, aconselhamento, atividades de prevenção e esclarecimentos.
Horário: das 9h às 16h
Local: Palácio do Governo

25 de julho
Jornada do Dia Mundial de Luta Contra as Hepatites Virais B e C reunirá cerca de 200 profissionais das áreas clínica e de saúde pública interessados em hepatites virais para um amplo debate de questões envolvidas em assistência, prevenção e vigilância epidemiológica.
Horário: das 8h às 14h
Local: Centro de Convenções Rebouças – Av. Rebouças, 600

27 de julho
Aconselhamento, teste rápido para as hepatites B e C e atividades de prevenção e esclarecimento para a população.
Horário: das 9h às 15h
Local: Terminal Metropolitano Jabaquara – Plataforma

VITÓRIA (ES)

28 de julho
Teste rápido gratuito para Hepatite B e C, entrega de resultados e encaminhamento para tratamento, se necessário.
Horário: das 8h30 às 15h
Local: Praça do Papa, Enseada do Suá

GOIÂNIA (GO)

28 de julho
Teste rápido para hepatite C e aconselhamentos sobre as hepatites virais.
Horário: das 10h às 17h
Local: Rodoviária de Goiânia – Rua 44, N° 399, Setor Central

BRASÍLIA (DF)

28 de julho
Teste rápido para Hepatite B e C e divulgação da luta contra as hepatites virais.
Horário: das 8h às 13h.
Local: Planaltina do DF

29 e 30 de julho
Teste rápido para Hepatite B e C e divulgação da luta contra as hepatites virais.
Horário: das 10h às 18h
Local: Granja do Torto-Brasília – Moto Capital

FORTALEZA (CE)

23 de julho
Teste rápido para Hepatite B e C, aconselhamento e vacinação para Hepatite B.
Horário: das 8h às 15h
Local: EEFM Plácido Aderaldo Castelo, Rua 719, s/n

28 de julho
Mini-palestras diárias sobre a importância da testagem, vacina para Hepatite B e distribuição de vales-testes rápidos para Hepatites B e C.
Local: Hospital São José de Doenças Infecciosas – Rua Nestor Barbosa, 315 – Parquelândia – Fortaleza

RIO BRANCO (AC)

28 de julho
Teste gratuito para Hepatites B e C orientação e encaminhamento.
Horário: das 8h às 17h
Local: OCA-central de Atendimento ao cidadão. Rua Quintino Bocaiuva, 299, Centro

MANAUS (AM)

27 de julho
Teste rápido para Hepatite B e C, distribuição de material informativo e de preservativos.
Horário: 8 às 12h
Local: Fundação Alfredo da Matta

28 de Julho
Teste rápido para Hepatite B e C, distribuição de material informativo e de preservativos.
Horário: 8h às 12h e das 13h às 17h
Local: Fundação Hospital Adriano Jorge (FHAJ) – Ambulatório da FHAJ/Bloco A

29 de julho
Teste rápido para Hepatite B e C, distribuição de material informativo e de preservativos.
Horário: 8h às 15h
Local: Fundação de Medicina Tropical do Heitor Vieira Dourado/Coordenação Estadual de
DST/Aids e HV – Ambulatório de Dermatologia FMT-HVD

BELÉM (PA)

31 de julho
Teste rápido gratuito para Hepatite B e C, entrega de resultados e encaminhamento, se necessário. Distribuição de material informativo e pulseiras amarelas para quem fizer o teste.
Horário: das 7h às 12h
Local: Portal da Amazônia – Rua Engenheiro Fernando Guilhon, Belém (PA)

SANTOS (SP)

29 de julho
Teste rápida para Hepatite C.
Horário: das 8h30 às 16h
Local: Sindipetro, aberto a população. Av. Conselheiro Nébias, 248 – Vila Matias, Santos

Curso de atualização em Hepatite C e resultados preliminares dos novos tratamentos
apacitação de profissionais da saúde, acadêmicos, voluntários do Grupo Esperança e outros segmentos envolvidos na saúde pública e privada.

Horário: das 8h30 às 12h30
Local: Auditório do Sindipetro do Litoral Paulista – Av. Cons. Nébias nº. 248 – Vila Nova – Santos
Programação
08h30 – Inscrições e credenciamento
09h – Mesa de abertura:  Dr. Marcos Calvo (SMS), Dr. Ricardo Hayden (HGA/SBI), Dra. Paula Covas (DRS IV), Jeová P. Fragoso (Grupo Esperança), Regina Lacerda (CDI – SMS).
09h30 – Terapia da Hepatite C em pacientes monoinfectados: presente e futuro. Dr. Evaldo Stanislau Affonso de Araújo (Grupo Esperança)
10h10 – Terapia atual da hepatite C em pacientes com HIV. Dr. Marcos Caseiro (SMS)
10h50 – Coffee breack
11h10 – Atenção aos portadores de Hepatites no SAE de Santos da (CCDI/SMS) Enfermeira Monica Maestre (SAE Adulto / Santos)
11h40 – Terapia da Hepatite C em pacientes com doença avançada de fígado e no pós-transplante – Dr. Rogério Camargo Alves (Hospital da Beneficiência Portuguesa – SP)
12h – Discussão. Moderador: Jeová Pessin Fragoso (Grupo Esperança)

 

(Fonte: Fantástico/G1)


Curta e compartilhe essa publicação
0 respostas

Deixe uma resposta

Want to join the discussion?
Feel free to contribute!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *